Skip to content

A Uniban parece a nova sede da TFP

novembro 9, 2009

A história da menina que foi expulsa da Uniban por usar um vestido curto é um super absurdo. Vi que alguma coisa tinha rolado na semana passada, mas parei pra prestar atenção direito no que aconteceu só hoje.

A cena da menina saindo escoltada da universidade, e aquele monte de gente gritando e ofendendo de todas as formas me lembrou uma execução em praça pública. Aquelas coisas bem medievais mesmo, o povão implorando para a humilhação e morte daquele que segundo a maioria infringiu as regras.

Outra cena decorrente é a do apedrejamento da mulher traidora, colocada frente a frente com todos aqueles que acham que tem o direito de julgar o outro e a matam por uma lei divina.

Aquelas pessoas gritando desaforos pareciam cães enlouquecidos, retrato do conservadorismo dessa geração totalmente sedada pelo sistema, sem senso crítico, se movendo como rebanho. Filhos do machismo, herança maldita.

Para um país que a tanto tempo vem tentando se livrar das amarras do preconceito, esse epsódio é mais uma página que envergonha.  Um tapa na cara de quem luta pelo fim da intolerânica.

Mais impressionante ainda é a atitude da universidade de expulsar a aluna em favor da defesa da moral e dos bons costumes, só faltou chamar a TFP – Tradição Família e Propriedade –  para fazer coro a decisão. Nunca é demais lembrar que com a desculpa de salvar o Brasil e preservar os costumes a ditadura militar assolou o país por mais de 20 anos.

 

 

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: